quarta-feira, junho 29, 2011

Raid Ilha Azul


Desta vez larguei a corda (e também a prancha) e rumei até ao Faial, nos Açores para participar no Raid Ilha Azul. Esta foi a minha primeira experiência em corridas deste género. Há um mês atrás recebi um mail a desafiar-me para esta prova. Como era nos Açores fiquei empolgada, não só para o tipo de prova mas também pela oportunidade de voltar aos Açores. Falei com o Primo que acabou por me convencer dizendo que a prova no escalão Aventura era fácil e eu não ia ter problemas! Acabei por fazer parte da equipa da ADA Desnível junto com o Tiago Branco e o Gilberto Andrade.
A organização da prova esteve em grande, realmente mais que 5*! Desde passeios aos Capelinhos e subidas ao Pico, à dormida, passando pelos jantares, e claro, à organização da prova propriamente dita. Tudo esteve perfeito!
A prova fez-se, sendo que eu me esquivei a quase todas as etapas de BTT. Começámos com a natação na marina da Horta, seguido de BTT até à Caldeira, pedestre à volta da Caldeira, mais BTT, mais pedestre desta vez pelo trilho dos vulcões, mais BTT nocturno, dormida (5h), mais BTT, canoagem em Porto Pim, e para acabar pedestre na Horta. O problema deste tipo de provas não é os dias de prova, mas sim os dias após! Ainda sinto as pernas e já passaram 3 dias...
Os grandes vencedores da prova foi a equipa Elite CP Armada composta pelo António Moura, Eduardo Sebastião e Silvia Araújo (uppss, da Desnível).


Mais informações em www.raidilhaazul.com



Aqui ficam algumas fotos. Muito poucas são da prova, porque não dá para ir a correr e a pedalar e a fotografar ao mesmo tempo.





O ambiente no pavilhão. Claro que eu fiquei junto da parede de escalada ;)




Momentos antes de começar a prova




A prova de canoagem



No último check-point da prova


O Pico


O Peter Café Sport